top of page
  • Foto do escritorAlex Teleginski

'Não se via desde a ditadura', diz professora sobre forma como governo do Paraná lidou com greve nas escolas

A diretora de núcleo sindical e historiadora Hellen Lima diz que desafio agora é mobilizar a comunidade escolar


Pedro Carrano

Brasil de Fato | Curitiba (PR) |11 de junho de 2024 às 15:03


PMs do PR prenderam dois manifestantes em 2 de junho, em frente à Assembleia Legislativa, em Curitiba; grupo encerrou greve das escolas estaduais na semana passada - Guilherme Araki


Integrante do comando da greve de professores e funcionários de escolas estaduais do Paraná, realizada na semana passada, a historiadora e professora Hellen Lima ressalta haver um projeto de privatização da educação pública em curso no governo Ratinho Jr (PSD), iniciado com o ex-secretário Renato Feder, hoje em São Paulo, e que alcançou também um novo patamar de repressão com a sugestão de prisão da presidenta da APP, Walkiria Mazeto, pela Procuradoria Geral do Estado.


Agora, a diretora do núcleo da APP-Sindicato (núcleo Sul) aponta que o desafio é mobilizar na base e no chão da escola:


" Agora se abre outra frente de luta nas comunidades escolares, nossa tarefas seguem sendo a denúncia de todos os prejuízos desse projeto nefasto e a organização da resistência em todas as escolas para que barrem a privatização na consulta pública. Sabemos que não será tarefa fácil, pois certamente o estado utilizará de toda sua máquina pública para espalhar mentiras e tentar convencer pais, estudantes e trabalhadores da educação do contrário. "


Leia Mais em :


59 visualizações0 comentário

Comments


Commenting has been turned off.
bottom of page