Ato em Brasília homenageou profissionais da Enfermagem que perderam a vida no enfrentamento à Covid-19

No encerramento das atividades da Semana Nacional da Enfermagem, um ato simbólico, em Brasília, na tarde da quinta-feira (20), homenageou todos os profissionais da área que morreram no enfrentamento à Covid-19 no país. O ato foi organizado pelo Fórum Nacional da Enfermagem – 30 Horas Já.

Em lembrança às trabalhadoras e aos trabalhadores que perderam a vida enquanto se dedicavam para salvar a população brasileira, cruzes foram pregadas no gramado da Esplanada dos Ministérios, velas foram acesas e balões brancos soltos no ar.

Segundo dados do Conselho Federal de Enfermagem, até o começo de maio 776 profissionais da categoria haviam morrido em decorrência da Covid-19.

No Paraná, segundo os números da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PR), das 456 mortes de profissionais de saúde por causa da doença, a categoria com mais perdas (134) foi a Enfermagem.

 

Semana Nacional

Ao longo de toda a Semana Nacional da Enfermagem foram realizadas atividades em todo o país com homenagens aos profissionais da categoria e reivindicações, que contaram com apoio do SINDESC.

Entre as principais bandeiras defendidas estavam os cuidados com a vida do profissional da Enfermagem, a aprovação do piso salarial nacional e jornada de 30 horas semanais e ações de valorização e luta por melhores condições e relações de trabalho para a categoria.

 

Fonte: Sindesc

Posts recentes